Arquivo para abril, 2008

Mais uma para superarmos…

Posted in Sibberia on abril 29, 2008 by sibberiano

Galera, como estamos nos utilizando de todas as fontes de comunicação que podemos para que esse golpe possa ser o mais rapidamente assimilado (não só financeiro, mas para quem toca sabe que seu instrumento tem grande valor pessoal…), visto que temos no próximo final de semana um importante show na capital mineira, meu blog não poderia ficar de fora… Peço que mesmo através de post a divulgação seja fortificada.

Segue o acontecido com nosso amigo Iguassu (guitarrista da Sibberia), aos que ainda não tem conhecimento do fato:

“Caros amigos,
Ontem dia 27/04 (DOM), às 15hs, tive meus instrumentos musicais furtados do meu veículo.
Solicito que repassem esta informação aos seus amigos de Sergipe, principalmente àqueles ligados à musica (estúdios, escolas de música, bandas etc.) e pelo Orkut, para que possamos encontrá-los.
Segue a lista do equipamentos furtados e fotos em anexo:

1- Guitarra Fender Americana Stratocaster, cor preta com escudo branco, Serial N586410;
2- Case para Guitarra Fender, em fibra, cor preta, marca USA CASE.
3- Pedal OD3, marca BOSS;
4- Wah Wah Cry Baby GCB-95;
5- Pedal Over Driver MXR;
6- Pedal Baby Booster, marca Hobbertt;
7- Pedal Phase Ultra Shifter, marca Behringer;
8- Pedal afinador HU8500, marca Arion;
9- Pedal Wah Wah Mini Q-tron, marca Electro-Harmonix;
10- Pedal Digital Delay Modelo DY-1, marca Greatone;
11- Pedal Doctor Drive, Marca Meteoro;
12- Equipamento Black Bug para fone de ouvidos.
13- Fonte de alimentação de 2A.
14- Case em madeira marca Sonnart, para acondicionamento dos pedais.

Contato para informações:
Iguassu Cândido
Banda Sibberia
Fone:(79) 32550556
(79) 91916628
Email: iguassucandido@hotmail.com
contato@sibberia.com.br

Obrigado!!
Iguassu.”

Em busca do ‘IBOPE’ perfeito…

Posted in Música, Pessoal with tags , on abril 28, 2008 by sibberiano

Tenho acompanhado nos últimos dias o surgimento de um novo… como diria… ‘juiz de concurso de dança’ no meio musical de Sergipe. Juiz sim, pois pelo que associo rapidamente, cabe a eles levantar a plaquinha para mensurar com uma simples nota, que varia de 0 a 10, sua satisfação ou decepção para com seu julgado (leia-se ‘réu’!) semanal. E pelo que constatei em seus últimos artigos a primeira opção e tão verdadeira como a pior nota que pode ser atribuída num julgamento… zero.

Chamemos de I.M.(*) nossa nova e ilustre figura crítica do estado.

Dotado de belíssimos textos (linguisticamente falando…) nosso personagem tem obtido relevante destaque no cenário cultural de Sergipe através do seu espaço presenteado de um jornal de grande circulação no estado, mas seu grande erro, assim como o da grande maioria das crianças é o de não saber ganhar presentes. Talvez pela imaturidade e seu bom senso bastante questionável, esteja procurando o caminho da notoriedade através da maneira mais rápida… a polêmica. E ele vem conseguindo!! Em punho de sua caneta avassaladora, que mais parece uma AK-47, vem disparando seu brilhante vocabulário, acrescentado do seu tom de ‘chacota’, em alvos vendados, mais parecendo um paredão dos antigos campos de concentração, com suas inesgotáveis críticas irônicas e destrutivas…

Não… não sou contra criticas!!! Ou notas em plaquinhas… Muito pelo contrário! Sou A FAVOR!!!! …da crítica dura e responsável. E sou EXTREMAMENTE CONTRA …a ‘molecagens’.

“O tipo mais comum de crítica é a Crítica Cultural, embora a rigor haja também críticas a todo tipo de produto ou serviço disponibilizado ao público. De acordo com a sua credibilidade, críticos podem alavancar ou destruir carreiras de muitos profissionais. Daí a importância da responsabilidade com que devem encarar o seu poder.”

Concordo que os críticos, assim como a burocracia, são um mal necessário ao crescimento. Quem teve a oportunidade de ver alguma matéria de Administração na faculdade, assim como nosso personagem, também estudante, sabe disso…

Assim como em todos os meios existem os bons e os péssimos profissionais. O que me admira é um jornal apoiar esse tipo de jornalismo… quer dizer.. me admirava!! Depois de ler a manchete da capa dessa semana, nada mais me assustará.

Lendo os comentários sobre o artigo de outro colunista musical do mesmo jornal, este de um bom senso indubitavelmente superior ao primeiro, onde fazia uma crítica ao estilo “I.M. de ser”, um leitor o escreveu em defesa de I.M., com a seguinte frase: “Nem o tal JC (referindo-se à Jesus Cristo) agradou a todo mundo! Deixe ele meter o dedo na ferida!!” Claro… deixo sim…. se me disser o que ele ganha com isso!!! Toda a crítica tem um fundamento… a dele pelo que vejo, não vai alem disso: I-B-O-P-E.

Talvez isso ainda dê algum pano p manga… (To te ajudando com esse post, I.M.!!!!!! Rs!), mas talvez os 15 minutos desse rapaz já tenham se esgotado.

Encerro esse post com uma frase brilhante, que li (vejam só…)no próprio jornal, simples e rasteira: “O que eu acho é que toda crítica vale a pena quando a alma não é pequena!”
Abraço!

(*) Não sou jornalista, mas achei melhor chamá-lo assim para preservar a imagem de “crianças” em espaços da mídia, ok?

Imagine – Perfect Circle

Posted in Curiosidades, Música on abril 27, 2008 by sibberiano

Nova roupagem para a música IMAGINE (John Lennon) pela banda “A Perfect Circle“, onde Maynard James Keenan, vocalista do Tool, faz o vocal… ficou muito boa com o vídeo!

———————

“Imagine que não exista nenhum paraíso, É fácil se você tentar. Nenhum inferno abaixo de nós, Sobre nós apenas o firmamento. Imagine todas as pessoas Vivendo pelo hoje… Imagine que não exista nenhum país, Não é difícil de fazer. Nada porque matar ou porque morrer, Nenhuma religião também. Imagine todas as pessoas Vivendo a vida em paz… Você talvez diga que sou um sonhador, Mas eu não o único. Eu espero que algum dia você junte-se a nós, E o mundo viverá como um único

Imagine nenhuma propriedade, Eu me pergunto se você consegue. Nenhuma necessidade de ganância ou fome, Uma fraternidade de homens. Imagine todas as pessoas Compartilhando o mundo todo.

Você talvez diga que sou um sonhador, Mas eu não o único. Eu espero que algum dia você junte-se a nós, E o mundo viverá como um único.”

Fonte: Sedentário

Sibberia em importantes sites nacionais…

Posted in Sibberia on abril 25, 2008 by sibberiano


Durante esses últimos dias o nome da sibberia está sendo citado em sites de grande relevância na cena do rock nacional. O que nos deixa sempre mais otimistas para a continuidade dessa divulgação em outros estados.
Vai aqui alguns deles!!

Destaque na Agenda da SL, revista eletrônica, para o Show em BH [02/05]:
http://www.slrevistaeletronica.com.br/index.htm

Rock Brigade, uma das mais conceituadas revistas eletrônicas sobre Rock:
http://www2.rockbrigade.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=219&Itemid=69

Mugg (Revista Eletrônica sobre música):

http://www.mugg.com.br/story.php?title=Sibberia_CD_ldquoImagin%E1riordquo_completo_para_download
Overmundo (tb na capa do site!!):
http://www.overmundo.com.br/agenda/sibberia-de-aracaju-se-em-bh-no-studio-bar

Banners espalhados por todo site da Whiplash!! Consagrada revista sobre rock nacional!!
http://whiplash.net/materias/shows/071843-helloween.html

à medida que forem surgindo mais(espero que sim!!! Rs!), posto por aqui!!
Abração!

Ultima SEX do mês tem…

Posted in Curiosidades with tags on abril 25, 2008 by sibberiano

…BICICLETADA, 8ª edição da Massa Crítica Aracaju, celebrando, reivindicando e educando em prol dos transportes sustentáveis na cidade.

De cara nova, com novo Formato, para a galera que trabalha e que sempre quis participar e reclamava do horário.

Anota no caderninho os novos horários e concentrações: a 1ª concentração acontece em frente a Ponte do Imperador às 17:30 com saída pontual às 18:00 para o pedal lúdico educativo no trânsito engarrafado; chegada ao Mirante da 13 de Julho para uma bate-papo e nova atividade, a saída do bloco de rua será às 19:30 com um passeio pela cidade celebrando os transportes sustentáveis.

A Bicicletada é gratuita, NÃO é obrigatório o uso do capacete (se possuir, recomendamos iluminação e capacete) e é aberta também a todos os veículos movidos à propulsão humana, como patins, skate, patinete, velocipede e também a pé…”

Fonte: Blog “Ciclo Urbano”

Vinnas em ação!!

Posted in Música on abril 24, 2008 by sibberiano

Não resisti e tive que postar esse vídeo que o Marcus, me mandou!!! rs!

Primeiro, pela propaganda inteiramente gratuita dele tocando com a camisa da sibberia… hehe! Segundo, pq o solo ficou fantástico!! Dentre vários nos trabalhos em que ele se propôe a fazer… Não é a toa que, não só eu como muita gente do meio, o considera como um dos melhores guitarristas daqui!! E já tocou com a sibberia há alguns anos atrás, lembra disso, garoto?!! Acho que na inauguração de um condomínio…

Vou procurar a foto e depois posto aqui!!

Quem quiser ver mais trabalhos do moço aê, clica :AQUI:

Vale a pena!!!!

Parabéns, velho Vinnas!! Vc tem futuro na coisa, viu? rs!

Abração!

’22 do Quatro’ – [10 anos]

Posted in Pessoal, Sibberia on abril 22, 2008 by sibberiano

É verdade como o tempo voa…

Eu fiz meus primeiros acordes ao violão com 10 anos de idade… acho até que antes disso um pouco, pq já ficava abusando do violão da minha irmã Suzana, que já tocava na época, antes mesmo que ela me presenteasse com um “TONANTE” no Natal de 1988, se não me falha a memória. Presente esse que nem dei muita bola, visto que minha grande “necessidade” adolescente na época era um skate, mas tudo bem… aceitei de bom grado e foi aí que, sem querer, a brincadeira começou…

Esse ano faz 20 anos que ‘tento’ aprender esse instrumento que, para mim, mais parece uma extensão do meu braço… e hj faz exatamente 10 anos que veio ao mundo o primeiro fruto dessa relação…

Acho que o grande marco da minha história com a música começa no dia 22 de abril de 1998, com a canção ‘22 do quatro’. Um dos motivos do nome da música é esse! Não sei o dia exato que comecei a escrever a letra… Entre arranjos, frases, solo, etc foram alguns meses de caneta e caderno na mão junto com meus parceiros, em uma recém iniciada banda chamada ‘Sibberia’, mas esse foi o dia que falei… “Acho que é isso… Vamo ensaiar?”

“Depois de 44 dias de viagem, no dia 22 de abril de 1500, a frota de Pedro Álvares Cabral vislumbrava terra firme. Os 13 navios ficaram reconhecendo a nova terra e seus habitantes, os índios. Era o início da história do Brasil. A carta de Pero Vaz de Caminha, enviada ao rei de Portugal, relatou detalhadamente o fato…”

O Descobrimento do Brasil (22/04/1500) também é um dos motivos para o nome…

É uma canção de amor que fala de descobertas… de experimentar coisas novas, de rever planos, de arriscar, de encontrar o que estava perdido… e fiquei muito satisfeito com o resultado… Até hoje fico um pouco envaidecido com os elogios e feliz com as críticas também! Rs! Dentre as quatro músicas que tenho no CD da banda, ela é o meu ‘xodó’, com certeza…

Bom… Parabéns para essa “mocinha”!!
Se quiserem ouvi-la, é só procurar ela ::CLICANDO AQUI::

Abração!